Quando começar o consumo de colágeno? Existem alimentos com a proteína?

O colágeno é extremamente importante para o nosso corpo. Continue a leitura para entender tudo sobre colágeno.

Uma parte da proteína do nosso corpo é colágeno, sua função é ser mais estrutural para proteger outros tecidos que temos e que são menos resistentes, por isso o consumo de colágeno é importante.

Fora que o colágeno consegue dar mais firmeza e elasticidade na pele, pode ser encontrado em carnes e gelatinas, por exemplo.

O colágeno é muito importante para manter nossas células firmes e unificadas.

Colágeno

É composto por 3.000 aminoácidos que estão presentes em correntes moleculares entrelaçadas, que formam uma hélice bem flexível.

Como mencionamos, ajuda a pele, reforça seus tendões e reforça também os ligamentos que unem seus músculos aos ossos.

Dependendo, alguns colágenos podem ter uma textura parecida com gel e outros podem ter fibras, mas apertadas, por isso, ajudam a melhorar sua resistência.

Qual a origem do colágeno?

Sua origem é animal, é chamado de hidrólise, com isso se tem o colágeno hidrolisado, que pode ser comprado em forma de pó branco.

Entenda melhor sobre a origem e composição do Colágeno.

Afinal, quais os benefícios do colágeno?

Além dos que já esclarecemos, o colágeno tem infinitos benefícios, vamos contar alguns:

  • Melhora unhas frágeis
  • Cabelos com mais resistência, crescimento, brilho, etc.
  • Pele mais hidratada
  • Reduz a pele flácida
  • Previne e trata dores articulares

O colágeno tem sido mais utilizado na terceira idade, por ajudar o tecido articular mais hidratado, principalmente.

Colágeno para de ser produzido?

Depois dos 25 anos, a produção de colágeno começa a diminuir mais ou menos. Você vai notar que quando as rugas de expressão começam a aparecer, a pele fica mais frágil e menos elástica, o que significa mais relaxamento.

De acordo com algumas pesquisas, as mulheres produzem menos colágeno que os homens.

No tempo da menopausa a aceleração da perda de colágeno é muito maior.

colageno-gelatina

Posso consumir colágeno?

É recomendado consumir de 10 a 20 gramas de colágeno por dia, que significa em torno de 1 a 2 colheres.

Você pode ingerir em iogurte, suco ou leite, como preferir.

O colágeno em pó, sem corante e adoçante é uma das formas mais práticas e muito melhor porque o colágeno fica muito mais puro.

Produção de colágeno

Para preservar o colágeno que produzimos é importante consumir alguns alimentos ricos em ômega 3, vitamina A, vitamina E, etc.

Alimentos ricos em ômega 3

  • Peixes
  • Chia
  • Linhaça
  • Nozes
  • Castanhas
  • Abacate

Alimentos ricos em vitamina A

  • Cenoura
  • Batata-doce
  • Melão
  • Manga

Alimentação rica em colágeno

Para o seu primeiro dia com uma alimentação rica em colágeno experimente:

Café da manhã: um copo de leite, pão integral com ovo e queijo e de sobremesa 8 morangos.

Lanche da manhã: um pouco de gelatina com três castanhas.

Almoço/jantar: bife de frango grelhado com pequenos pedaços de abacaxi, um pouco de arroz com ervilha, salada de alface, tomate, pepino e azeitonas, e de sobremesa uma fatia de manga.

Lanche da tarde: suco verde de couve com maçã e limão, e torradas integrais com requeijão.

Para o seu segundo dia:

Café da manhã: mingau de aveia com leite de soja com um pouco de cacau em pó.

Lanche da manhã: torradas com requeijão e uma fatia de mamão.

Almoço/jantar: almôndega no forno com macarrão integral e molho de berinjela, cenoura e beterraba ralada e de sobremesa duas fatias de abacaxi.

Lanche da tarde: iogurte natural com granola e uma banana.

Para o seu terceiro dia:

Café da manhã: panqueca de aveia recheada com frutas e  iogurte natural.

Lanche da manhã: gelatina e dois biscoitos de maisena.

Almoço/jantar: peixe com batata, cenoura, repolho, cebola e um pouco de arroz integral, e de sobremesa uma laranja.

Lanche da tarde: vitamina de abacate e aveia.

Quando devo começar a tomar Colágeno?

Geralmente é indicado a pessoas com a partir de 30 anos ou que tenham problemas nas articulações.

Também é indicado para pessoas que não conseguem consumir proteína o suficiente, isso pode causar uma pele menos firme.

Além disso, também é recomendado para pessoas que fumam e que estão há muito tempo expostas ao sol a ingestão de colágeno, pois são os fatores que fazem a pele envelhecer mais rápido.

Por fim, o colágeno é bem utilizado também para cicatrização de feridas e de algumas cirurgias.

Tipos de colágenos

Colágeno tipo 1:

Considerado o mais normal especialmente em locais com bastantes tensões e que necessitam de mais resistências, por exemplo, na cartilagem nos tendões no tecido conjuntivo, etc

Colágeno tipo 2:

Esse tipo é bem-parecido com o tipo 1 e pode ser encontrado nos mesmos locais.

Esse tipo é mais para a administração de artrose porque auxilia a repor a cartilagem das suas articulações.

Colágeno tipo 3:

Esse tipo de colágeno está presente nos músculos lisos, que é constituído com bastante fibras reticulares.

Encontrado também na artéria do coração, nos pulmões, no fígado, no útero, etc.

Colágeno tipo 4:

Esse está localizado nos rins e sua função é de filtração e sustentação.

Colágeno tipo 5:

Parecido com o tipo 1, está presente nas regiões que recebem grandes tensões. É responsável por oferecer aos tecidos do corpo uma possibilidade de esticar e a resistir a diversos fatores. 

Encontrado principalmente no sangue, nos tendões, nos ossos, na placenta e na pele.

Colágeno tipo 6: 

Esse tipo de Colágeno é muito identificado na camada individual da placenta, no sangue, na epiderme e nos discos intervertebrais.

Colágeno tipo 7: 

Bastante encontrado nas membranas, nas células e na placenta, também é encontrado na junção dermo epitelial.

Colágeno tipo 8: 

Encontrado principalmente na membrana epitelial que reveste a parte superior dos seus vasos sanguíneos.

Conclusão

No artigo de hoje você aprendeu um pouco mais sobre colágeno, quais os seus benefícios, quando começar a consumir, quais alimentos possuem colágeno e quais tipos existem.

Esperamos muito que esse conteúdo tenha sido claro e que tenha tirado todas as suas dúvidas.

Se ficou qualquer dúvida, deixe nos comentários ou entre em contato conosco, será uma satisfação te ajudar.

E confira outros artigos da Rima Dos Sabores.

Até o próximo artigo!

Deixe um comentário